SEDENTARISMO MATA

Quanto mais velhos ficamos, mais propensos nos tornamos a adotar um estilo de vida sedentário. Na verdade, estima-se  que  67% de adultos mais velhos relatam passarem sentados  oito ou mais horas por dia e apenas 28% a 34% de adultos  com idade entre 65 a 74 são fisicamente ativos, de acordo com o departamento de saúde e serviços humanos dos Estados Unidos.

Segundo Evelyn O’ Neill, gerente do Programa de Exercícios para pacientes ambulatoriais  do Centro de Reabilitação Hebraico filiado à Escola de Medicina de Harvard, vê-se as consequências de se “ficar muito sentado todos os dias . “O “estar sentado “é o novo “fumar ”  em termos de riscos para a saúde”.  “Falta de movimento é talvez mais prejudicial do que qualquer outra coisa e pode acarretar uma série de problemas de saúde.”

 

Os perigos de um estilo de vida sedentário

 

 

Uma vida sedentária pode afetar sua saúde de maneiras que você pode não perceber. Por exemplo, ficar sentado prolongadamente, como passar horas assistindo televisão, pode aumentar as chances de desenvolver trombose venosa (coágulos sanguíneos que se formam nas veias profundas das pernas), potencialmente fatal, de acordo com um estudo elaborado com mais de 15.000 pessoas. Na verdade, as pessoas que assistiam televisão por mais tempo tinham um risco 70% maior de sofrer de trombose venosa em comparação com aqueles que nunca ou raramente assistiam TV.

 

Por outro lado, qualquer  movimento extra durante o dia pode ter um grande impacto. Por exemplo, simplesmente ficar mais em pé pode ajudar você a perder peso e mantê-lo, de acordo com uma revisão publicada na revista Europeia de Cardiologia Preventiva.

 

Atividades diárias que incorporam mais caminhadas também podem melhorar sua musculatura  das pernas, que podem ajudá-lo a viver mais tempo. Pesquisadores verificaram que a perda de força e massa muscular das pernas está associada ao caminhar mais lento entre adultos mais velhos. Velocidades menores no caminhar estão ligadas a uma diminuição de 10 anos na taxa de sobrevida  para pessoas após os 75 anos de idade.

 

Maneiras simples de  se mover cada dia mais

 

 

Uma forma para combater os riscos para a saúde de um estilo de vida sedentário é incorporar pequenos exercícios em sua rotina diária. Há muitas maneiras de fazer isto, de acordo com O’Neill. “Mesmo se você não suar ou não tiver a sensação de que você está trabalhando duro, você  ainda estará movendo seus braços e pernas, estimulando seus músculos e trabalhando suas articulações,” ela diz.

Algumas dicas da Dra. Evelyn O’ Neill:

  • Concentre-se na adição de apenas 30 minutos de atividade extra em seu dia, três dias por semana. Você pode dividi-la em segmentos menores, também, uns 10 minutos em cada turno, manhã, tarde e noite.  O que pode fazer durante esse tempo?
  • Aqui estão algumas estratégias para ajudá-lo a mover-se cada vez mais:
  • Caminhar por cinco minutos a cada duas horas.
  • Levante-se e ande ou marche no lugar durante os comerciais de TV.
  • Fazer alguns conjuntos de alongamentos do calcanhar, onde você está de pé. “Experimente enquanto você escova os dentes ou faz o café da manhã,” diz O’Neill.
  • Sempre andar, quando você está ao telefone.
  • Fazer uma série ou duas de flexões contra o balcão da cozinha. “O peso do corpo é sempre uma boa maneira de fortalecer os músculos,” segundo a Dra.
  • Use latas ou sacos de comida como halteres e faça 10 a 20 repetições de flexões de bíceps.
  • Realizar até 10 repetições de exercícios de agachamento, você pode levantar de uma cadeira sem usar os braços e depois sentar-se novamente para um movimento completo. “Também, procurar oportunidades para fazer  movimento extra durante as tarefas regulares”, diz O’Neill. Por exemplo, se você usa lavadora de louça, deixe alguns pratos sujos para lavar na mão, isto trabalha as mãos e os dedos. Lave seu carro em vez de usar o lava-jato, pare mais longe na ida ao supermercado (ou melhor ainda, caminhe até a loja e transporte na mão os mantimentos no caminho para casa, se possível), varrer a casa, limpar os moveis e fazer trabalhos simples de jardinagem, como remoção de ervas daninhas, plantio de vasos e juntar folhas, já contam.

 

“Há muito que se pode fazer para ser mais ativo, exercício nem sempre tem que ser intenso para ser eficaz, e há muitas oportunidades em sua vida diária de adicionar movimento extra. Você só precisa fazer isso,” finaliza a Dra. Evelyn O’ Neill.

 

Fonte: Healthbeat, Harvard Health Blog by Harvard Medical School

 

The following two tabs change content below.
Martha Lima de Oliveira

Martha Lima de Oliveira

Engenheira Química, Doutora em Biociências e Biotecnologias, Coach especialista em Programação Neurolinguística e Emagrecimento definitivo. Reside atualmente em Campos dos Goytacazes, RJ, onde atua também como Técnica de Nível Superior no Laboratório de Ciências Químicas da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF).
Martha Lima de Oliveira

Últimos Artigos porMartha Lima de Oliveira (see all)

Post do Autor Martha Lima de Oliveira

Martha Lima de Oliveira
Engenheira Química, Doutora em Biociências e Biotecnologias, Coach especialista em Programação Neurolinguística e Emagrecimento definitivo. Reside atualmente em Campos dos Goytacazes, RJ, onde atua também como Técnica de Nível Superior no Laboratório de Ciências Químicas da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF).