PARTO NORMAL DESEJADO

O momento mais esperado por todas as gestantes é o nascimento do seu bebê, quando descobrimos a gravidez, uma força dentro de nós mães renasce, com esta força vem muitas dúvidas, em forma de perguntas que surgem na hora do parto.

 

Como será?

Sentirei muita dor?

Estarei calma ou nervosa?

Suportarei a ansiedade?

 

As gestantes que desejam a evolução natural do parto, devem primeiramente se prepararem e conscientizarem para este momento.

Mas por que parir dói?  A dor do parto tem funções extremamente importantes na hora do parto, ela mostra o caminho a ser percorrido pelo corpo durante o processo, ensina em que melhor posição ficar, qual o momento de fazer força, nos ensina o que fazer para facilitar o processo fisiólogico do nascimento do bebê.

 

O parto normal se divide em três etapas:

 

1- Trabalho de Parto

 

  1. Fase latente – esta fase costuma ser a mais longa, mas menos intensa com a dilatação do colo do útero podendo atingir até 3 centímetros, com contrações de 30 a 45 segundos , as quais podem ser regulares ou não.
  2. Fase ativa – esta fase é intensa, mais ativa e mais breve do que a primeira, podendo durar em média de 2 a 4 horas, com as contrações mais intensas, prolongadas e frequentes, com duração de 45 a 60 segundos, em intervalos de 3 a 4 minutos, a dilatação do colo do útero pode chegar a 7 centímeros
  3. Fase transicional – esta fase é mais intensa e desgastante do trabalho de parto, é o final da dilatação do colo do útero, as contrações podem durar de 60 a 90 segundos cada, em intervalos de 2 a 3 minutos

 

2- O parto  

 

Neste momento as contrações são mais espaçadas e menos dolorosas, mas mais intensas.

 

3- Expulsão da placenta

 

Nesta fase o seu bebê já nasceu, mais saiba que o seu corpo ainda continua no processo do parto, em uma fase mais simples e que não requer mais tanto esforço seu. O útero continua a se contrair para que a placenta se desprenda da parede uterina e seja eliminada do seu organismo.

 

Chegou a hora de transformar aquilo que esta bloqueando você  acessar o seu parto normal desejado?

 

Para este momento você pode contar com a assistência do fisioterapeuta que surge como uma ferramenta eficaz para as mães durante o parto normal.

Como fisioterapeuta obstetríca atuando anos na prática durante o parto normal desejado e no parto possível, compreendi que toda esta jornada precisa passar pelo o processo de conhecimento, planejamento, metas e ação.

No período pré natal que é a fase de gestar eu tenho um processo que é utilizado para o seu parto normal através da aplicação do método M.E.F.E (mental, emocional, físico e essência) que devem estar em alinhamento para o momento presente.

Na fase parir utilizar técnicas de dança como a do ventre e do ballet, nos permite realizar exercícios fisioterápicos na gestante. Estes exercícios tem como objetivo o alongamento de grupos musculares, o relaxamento de outros, movimentação do quadril para ajudar na descida do bebê e treinamento da  respiração.

 

VAMOS DANÇAR DURANTE O PARTO?

 

The following two tabs change content below.
Renata Faria

Renata Faria

Casada, mãe do Raphael, tenho 38 anos. Bacharel em Fisioterapia com especialização em Gestantes e Saúde da Mulher, formação em coach e pnl focado para gestantes e mães. Estudiosa e Pesquisadora da Essência da Mulher. Após vivenciar a maternidade como experiência idealizei e criei o (RE) Nasce uma Mãe. E aqui estou para compartilhar quadradinhos de autoconfiança, missão e propósito Maternal.
Renata Faria

Últimos Artigos porRenata Faria (see all)

Post do Autor Renata Faria

Renata Faria
Casada, mãe do Raphael, tenho 38 anos. Bacharel em Fisioterapia com especialização em Gestantes e Saúde da Mulher, formação em coach e pnl focado para gestantes e mães. Estudiosa e Pesquisadora da Essência da Mulher. Após vivenciar a maternidade como experiência idealizei e criei o (RE) Nasce uma Mãe. E aqui estou para compartilhar quadradinhos de autoconfiança, missão e propósito Maternal.