07 ARMADILHAS DO EMAGRECIMENTO SAUDÁVEL

Você sabia que o processo de emagrecimento vai muito além do cardápio que ingerimos e das atividades físicas que praticamos?

Há situações que estão diretamente ligadas ao ganho de peso, mesmo estando longe do nosso prato, pois sabotam nossos esforços para emagrecer.

Está na hora de conhecer as principais armadilhas do emagrecimento e saber como escapar delas:

 

  • 1 – PULAR REFEIÇÕES

O endocrinologista Bruno Geloneze, da Unicamp, arrisca que abrir mão do café da manhã para “economizar calorias” é a armadilha mais comum entre os pacientes que ele atende. Em geral, eles até mantém a linha no almoço, mas chegam ao final do dia cansados e famintos, descontando tudo no jantar.

Manter o equilíbrio durante as 24 horas do dia traz resultados bem mais duradouros.

 

  • 2 – É SÓ SE MATAR POR UM TEMPO

Dietas muitos restritivas e treinos muito pesados são difíceis de adotar e o resultado não se mantém por muito tempo.

O emagrecimento definitivo acontece a partir da criação de hábitos equilibrados que devem se manter ao longo da vida.

 

  • 3 – NÃO PLANEJAR

Você sabia que cada ser humano toma, em média, cerca de 200 decisões sobre comida num dia? Claro que a maioria é feita de forma inconsciente.

Por exemplo, quando você chega da rua com fome, abre a geladeira e tende a comer a primeira coisa que ver pela frente. Neste caso, o ideal é que esta primeira coisa seja um item saudável e que caiba no seu plano alimentar, e não um pedaço de torta, por exemplo.

Ao traçar um objetivo de emagrecer, pense nas escolhas que levarão ao seu cumprimento. Se você quer ter frutas em casa, você tem que arranjar tempo para comprá-las. Se você quer levantar cedo para se exercitar, precisa se programar para ir pra cama cedo também.

 

  • 4 – PROMESSAS IRREALISTAS

Motivação é fundamental quando estamos lutando contra a obesidade e para mantê-la em alta é importante buscar alvos possíveis de serem atingidos sem tanto sofrimento.

Ao traçar suas metas, esteja atento para que elas sejam específicas. Dizer “vou comer melhor” não diz absolutamente nada ao nosso cérebro. Melhor dizer: “vou comer frutas em vez de frituras no lanche”.

Também não adianta cortar tudo de uma vez e não conseguir se manter naquele propósito. Siga suas prioridades.

 

  • 5 – AMBIENTE CAÓTICO

Casa bagunçada, gavetas abertas, louça suja… este é um cenário familiar pra você?

Cuidado! Uma pesquisa realizada na Austrália com 108 mulheres indicou que elas consumiram 53 calorias a mais em míseros dez minutos, apenas pelo fato de estarem em uma cozinha bagunçada em vez de outra impecável.

Melhor dedicar algum tempo praticando a organização e a limpeza. Isto pode render alguns quilos a menos.

 

  • 6 – COZINHA VAZIA

Se a geladeira ficar deserta, a tendência natural, quando estamos com fome, é pedir pizza ou sanduíche, mesmo se quisermos apenas um lanchinho.

É ideal ter sempre alimentos em casa. Se eles forem leves e saudáveis, melhor ainda.

Outro detalhe importante a observar é a forma como os alimentos são armazenados. Temos a tendência de ingerir o primeiro alimento que enxergamos. Sendo assim, docinhos e guloseimas ficam melhor lá no fundo da gaveta.

 

  • 7 – PRATOS GRANDES

Embora não precisemos ficar obsessivos com o assunto, pratos com diâmetro até 23 cm ajudam a reduzir até 22% o consumo de alimentos. A mesma quantidade em um prato maior faz parecer que precisamos servir mais.

Só não vale usar pratos muito pequenos, que o farão servir novamente para se saciar.

 

Por último, mas não menos importante, é preciso cuidar da mente, focar nos objetivos que se deseja alcançar. Nosso comportamento só se constrói a partir do sentimento e este é gerado por um pensamento. Logo, mude seu pensamento e o seu comportamento o acompanhará.

Assim teremos uma mudança de dentro pra fora, sustentável e definitiva.

 

The following two tabs change content below.
Eunice Villaça

Eunice Villaça

Master coach com especialização em emagrecimento e Programação Neurolinguística pelo Instituto Edson Burger. Descobri o coach na luta contra a balança e percebi que o emagrecimento era apenas a ponta de um iceberg de possibilidades que estariam por vir na minha trajetória.
Eunice Villaça

Últimos Artigos porEunice Villaça (see all)

Post do Autor Eunice Villaça

Eunice Villaça
Master coach com especialização em emagrecimento e Programação Neurolinguística pelo Instituto Edson Burger. Descobri o coach na luta contra a balança e percebi que o emagrecimento era apenas a ponta de um iceberg de possibilidades que estariam por vir na minha trajetória.